Compartilhe!!!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on TumblrPin on PinterestShare on Google+Email this to someone
Projetos

101 em 1001 – vs. 30

Postado em 28.06.2014 - 20:59
Tags: , , ,

Tá. Eu já comecei esse projeto incontáveis vezes. Mas dessa vez ele é especial.

Tá, fui querer começar de novo e entrei lá no site que calcula datas com uma específica na cabeça. E, na verdade, achei que demoraria mais pra começar. BUT…

30anos-101

Sim, to começando agora (semana passada, na verdade), pq essa lista é a de 101 coisas em 1001 dias, mas é também o que fazer antes dos 30 anos!

Liste 101 coisas que você desejaria realizar. Coisas que você sempre teve vontade de fazer, mas sempre deixava para depois. Agora você tem 1001 dias para realizar todas as suas tarefas.

É importante lembrar que suas tarefas devem ser específicas, realistas, mensuráveis e que exijam algum esforço de sua parte, mesmo que seja pequeno.

O projeto foi inspirado numa versão em inglês e foi iniciado aqui no Brasil por Patrícia Müller.

Então, minhas 101 metas pra não chegar nos 30 arrependida de nada ;)

101

A lista (more…)

Compartilhe!!!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on TumblrPin on PinterestShare on Google+Email this to someone





Questão de Opinião

Marcela Revolta

Postado em 27.06.2014 - 17:09

Não é de hoje que vejo um monte de merda sobre “bolsa pra presidiário”, sobre “na época da ditadura”, sobre “bandido morto”, “adote um mendigo” e mais um monte de mimimi contra o c*ralho. Aí apareceram os amigos que curtiam a página TV Revolta. E vieram os eventos idiotas. Do dia pra noite todo mundo tinha uma opinião sobre a sociedade pautada em falar mal do governo e criticar tudo e todos. Como cidadãos de bem sofridos, desesperançosos, que encontram no PT a culpa dos seus dias cinzentos e na Sheherazade (no Constantino, como queiram) um representante dos seus anseios e da sua dor.

E o que eu tenho com isso? Ou melhor, o que eu tenho com o que vcs curtem e compartilham? NADA, é verdade. Mas menos, por favor, bem menos… Vcs ao menos lêem aquilo que publicam, ou param pra ouvir as besteiras que dizem?? Sabe, nunca me incomodou quem defende um ponto de vista, um partido, ou determinada ideia que pra mim não passa de “bullshit”. Sou a pessoa que quero te mandar calar a boca, mas defendo a sua liberdade de falar merda. Pq discutir algo sempre acrescenta -”Toda unanimidade é burra” (Nelson Rodrigues); desde que vc SAIBA o que tá falando. Desde que vc não fique propagando senso comum, estereótipos, preconceitos e mentiras como se fossem verdades. Como se tivesse algum embasamento ou fonte segura pros dados que vcs insistem em colocar como estatísticas.

marionete

Parece que as pessoas simplesmente pararam de pensar. Não discuto aqui sobre direita e esquerda, sobre o que penso do governo, do PT, dos programas sociais. De nada. Quer saber, eu não gosto do PT, nem de partido nenhum, mas sou a favor de programas sociais, sim. Sou da “esquerdinha caviar”, sim. Mas pra gente começar a discutir isso, aliás, pra gente poder discutir sobre isso ou qualquer outra coisa, é preciso ter argumento. De novo, é preciso saber do que tá falando.

Quem espalha esse monte de desinformação das duas uma:
1. ou é muito ingênuo pq acha que “só a Rede Globo manipula”. E vcs são espertos demais para serem manipulados; massa de manobra é pobre favelado que é comprado com o Bolsa Família que vc sustenta; só a esquerda PTralha quer manipular as pessoas, as ideias liberais e esse monte de gente boazinha é tão inconformada com a situação quanto vcs, só querem expressar seu repúdio por esse governo corrupto que a gente tem.
2. ou é muito filho da puta, sabe que tá falando merda, mas sabe também que ninguém vai se preocupar em verificar, então vamos ganhar qualquer discussão com falácias; vamos trazer mais gente pro nosso lado

A esquerda faz isso, a direita faz isso. Todo idiota faz isso. Mas sabe pq fazem isso? Pq tem gente pra seguir. Pq vc está sendo manipulado. Pq sua arrogância não te faz perceber que vc não tá defendendo suas ideias, crenças e teorias, mas aquelas que eles querem. Isso ainda tá longe de ser uma discussão política. Ou de ideologia. Mas quando vc assume que precisa saber mais sobre determinado assunto antes de brigar por ele, todo mundo sai ganhando. Só acho…

Compartilhe!!!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on TumblrPin on PinterestShare on Google+Email this to someone





Diário de uma Bipolar

Mentiras Sinceras

Postado em 23.06.2014 - 5:22

E o que acontece em dois anos!?!

oi!

Enquanto tudo que é blogueira só tira foto mega produzida, bora lá, resolvi dar um “oi!” com uma foto tirada agora, sem dignidade nenhuma, inclusive pelo pijama -haha É que ontem a moça no salão disse que eu parecia ter entre 19 e 21 anos, então eu vou aproveitar!! #todomundomente – HOUSE, MD.

Pra começar, algo sobre mim. Muita coisa mudou nesse período, e tem muita coisa que continua “tudo igual” também. Mas das coisas que mais mudaram e mais me influenciaram, recebi o diagnóstico no final do ano passado de que eu sou bipolar. Tipo II. Sabe, foi bem cruel, mas isso é só um spoiler. Pretendo usar esse espaço pras minhas neuroses e crises também. As usual, a propósito. Esse é um dos motivos, senão o principal, que tem me feito procurar “antigas coisas que me faziam bem”; e escrever era uma delas.

Agora sobre o blog.

Eu quero usar esse espaço como pessoal BUT o que foi dito lá atrás fica lá atrás. Então, só um ou outro post “das antigas” está visível (cerca de 30 e pouquinhos). Nenhum tem nada demais, hoje até falo muito mais; mas quando vc tem 15 anos talvez vc não se expresse tão bem, e depois de tantos anos prefira guardar seu diário só pra vc. Outro ponto é que a gente acaba conhecendo mais gente. E gente que lê blogs. Pq as coisas eram diferentes quando comecei a blogar, néam!?!

Os posts sobre casamento também não estão mais públicos. Mas era um assunto que procuravam bastante aqui (vira e mexe recebo um tweet/DM ou email me perguntando sobre as taças que usei na festa e dei pros padrinhos!!); conforme for, vou voltando pra esse tipo de conteúdo (organização, dicas, etcs). O casamento acabou, mas eu sei fazer festa SIM! -haha

Pela primeira vez não me importei tanto com o design do blog; ficou alguma coisa bem mais ou menos, só pra constar. Pq o que vai importar é poder “falar” mesmo.

Compartilhe!!!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on TumblrPin on PinterestShare on Google+Email this to someone